Feira de Agricultura Familiar da UFPA

O espaço do Complexo Vadião da Universidade Federal do Pará receberá mais uma edição da Feira de Agricultura Familiar da UFPA nesta sexta-feira, 6 de março. A programação busca incentivar a comercialização de produtos agroecológicos e a proximar o pequeno agricultor familiar dos consumidores de Belém.

Durante a feira, será ofertada uma variedade de produtos agroecológicos, como frutas regionais, peixes, verduras, hortaliças, tucupi, queijos, mel, chocolate e plantas ornamentais, todas provenientes da produção de pequenos agricultores de diversos municípios do Pará. Para facilitar a comercialização, os produtores também disponibilizam pagamento por meio de máquinas de cartão. 

A Feira de Agricultura Familiar da UFPA é uma forma de incentivo para que os produtores continuem trabalhando no cultivo de suas terras, com foco na oferta de produtos de boa qualidade para o consumidor. Desde que passou a ser realizada todas as primeiras sextas-feiras de cada mês, a feira se tornou uma forma de estímulo para que o agricultor familiar passasse a comercializar a sua produção diretamente com o consumidor, criando uma relação benéfica para ambos os lados.

A realização conta com a organização do Instituto Amazônico de Agriculturas Familiares (Ineaf) e com o apoio da Pró-Reitoria de Extensão (Proex) e dos Institutos de Ciências Sociais Aplicadas (ICSA), de Letras e Comunicação (ILC), de Ciências da Saúde (ICS) e de Tecnologia (Itec).  

Serviço:

Feira da Agricultura Familiar da UFPA

Data: 6 de março de 2020
Hora: das 8h às 13h
Local: Espaço Vadião, Campus Básico

Texto: Assessoria de Comunicação da UFPA
Arte: Proex

Please reload

Destaques

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Rua dos Mundurucus, 1482 - Batista Campos, CEP: 66033-716, Belém, Pará. 

Telefones: Financeiro: (91) 3323 5043 / Coordenação de Projeto: (91) 3323 5033 e 3323 5084 / Orçamentos e Logística: (91) 3323 5020​

© Orgulhosamente criado para a Abradesa desde 2015.